Guia da Gravidez
PUBLICIDADE

As vitaminas são elementos reguladores do metabolismo orgânico que cumprem durante a gravidez um papel essencial, dado que são indispensáveis para o correcto desenvolvimento do feto. As exigências diárias de vitaminas são muito pequenas, pelo que é importante ter presente que o organismo é incapaz de fabricar estes elementos e, por isso, é indispensável garantir um fornecimento suficiente pela alimentação. Há diversas vitaminas e para denominá-las utiliza-se as diferentes letras do alfabeto, ainda que actualmente exista a tendência de empregar-se o nome próprio de cada composto. Nem todas têm a mesma importância, mas é certo que algumas são fundamentais e o seu défice acarreta graves consequências.

As necessidades vitamínicas aumentam durante a gravidez, principalmente no que se refere à vitamina C, o ácido fólico e outras vitaminas do complexo B, mas estas exigências podem suprir-se com uma alimentação variada que inclua tanto fruta e verdura como carne, peixe, ovos e leite. Só em certas ocasiões, quando se detecta uma carência ou se pensa que a alimentação não garantirá um fornecimento suficiente, o médico pode indicar um complemento vitamínico; mas trata-se de uma questão que deve ser avaliada caso a caso e é muito importante seguir sempre as indicações do médico, evitando a automedicação, porque um excesso de determinadas vitaminas pode ser tão prejudicial como a sua carência.

Ainda sem comentários!

Deixe um comentário

O seu email não será publicado.
Campos obrigatório estão identificados *
~ Vitaminas ~