Guia da Gravidez
PUBLICIDADE

Basicamente distinguem-se três tipos de respiração; torácica, abdominal e combinada. Durante o parto, os
profissionais indicam à mulher gestante o padrão respiratório mais conveniente, bem como a rapidez e a profundidade que se deve aplicar aos movimentos respiratórios, É aconselhável que os modelos respiratórios sejam praticados com a pessoa que vai ajudar a grávida no parto, para que possa orientá-la no caso de ser necessário. É óbvio que convém que esteja bem treinada e, assim, poder seguir adequadamente as instruções. Assim sendo, um controlo adequado da respiração permite à parturiente focar a sua atenção, combater a ansiedade própria da situação e manter-se mais relaxada, questão essencial para que possa participar de forma activa e eficaz no nascimento do bebé.

Aula prática do curso de preparação para o parto em que se realizam exercícios respiratórios muito benéficos.

Na página seguinte mostram-se algumas técnicas utilizadas para ter um melhor controlo da respiração e aprender várias modalidades de padrões respiratórios.

Ainda sem comentários!

Deixe um comentário

O seu email não será publicado.
Campos obrigatório estão identificados *
~ Tipos de respiração ~