Guia da Gravidez
Modificações dos seios e do útero
PUBLICIDADE

Sem dúvida, as mudanças mais evidentes do corpo da gestante correspondem ao progressivo aumento de tamanho dos seios, que se preparam para amamentar, e o aumento do abdómen devido ao aumento do útero, que passa dos 90 gramas aos 1200 no final da gestação e cuja capacidade aumenta umas 4000 vezes para albergar o feto em desenvolvimento, a placenta e as membranas anexas. O útero comprime os órgãos contidos na cavidade abdominal e o aumento de peso na parte frontal do corpo corresponde ao ventre; os peitos modificam a estática corporal, efeitos que podem ser incómodos.

No quinto mês e meio de gestação, o útero já ultrapassa o nível do umbigo, e o abdómen adquire o contorno esférico típico da gravidez.

No sétimo mês e meio de gestação, o crescimento uterino é tal que a parte superior do útero praticamente chega até as costelas.

No final da gravidez, o útero desce um pouco porque o feto encaixa-se na bacia e o abdómen alcança o seu
perímetro máximo.

Ainda sem comentários!

Deixe um comentário

O seu email não será publicado.
Campos obrigatório estão identificados *
~ Modificações dos seios e do útero ~