Guia da Gravidez

Medicamentos e hábitos nocivos


Tanto a administração de numerosos fármacos como a realização de alguns exames médicos, que noutras épocas da vida se considerava inócuos, são potencialmente prejudiciais no decurso da gestação, dado que podem alterar o desenvolvimento embrionário e fetal. Também são prejudiciais, neste caso com toda a certeza, os hábitos nocivos como o tabagismo, o consumo de álcool e outras drogas.

O consumo de todo tipo de drogas durante a gravidez, tanto no caso de ser habitual como ocasional, implica perigos não só pelos efeitos que as substâncias tóxicas podem gerar na mãe, mas também principalmente pelos danos directos que pode ...

A prática de radiografias está contra-indicada durante o primeiro trimestre, enquanto durante o segundo trimestre só poderá fazer-se radiografias de partes do corpo afastadas do abdómen, por exemplo, de uma perna ou de um braço, e às ...

Durante a gravidez está contra-indicada a administração de diversas vacinas e em particular as elaboradas com germes vivos, que, embora atenuados, podem chegar até ao embrião ou ao feto e infectá-lo, por vezes com consequências ...

O fumo do tabaco contem múltiplas substâncias tóxicas como a nicotina e o monóxido de carbono. A nicotina provoca uma contracção dos vasos sanguíneos e reduz a irrigação dos tecidos, enquanto o monóxido de carbono se combina com a ...

Se a futura mãe consumir bebidas alcoólicas, o tóxico passará ao seu sangue e atravessará o filtro placentário. Mesmo que a mulher não sinta os seus efeitos, o álcool poderá alterar o desenvolvimento fetal e provocar múltiplas ...

~ Medicamentos e hábitos nocivos ~