Guia da Gravidez
Injecção de imunoglobulina anti-Rh
PUBLICIDADE

A prevenção da incompatibilidade Rh materno-fetal baseia-se na administração em todas as mulheres Rh-
que têm um filho Rh+ de uma injecção de imunoglobulinas anti-Rh nas 72 horas seguintes ao nascimento deste. Deste modo, é possível neutralizar os glóbulos vermelhos fetais que possam ter passado para o organismo materno antes do desencadeamento de uma resposta imunitária e provocar previne-se desta forma qualquer risco para futuras gestações. Também $e procede à administração das imunoglobulinas anti-Rh após um aborto ectópico
numa mulher com factor RH-, porque essas complicações poderiam ocasionar uma sensibilização se o produto da gestação fosse Rh+.

Ainda sem comentários!

Deixe um comentário

O seu email não será publicado.
Campos obrigatório estão identificados *
~ Injecção de imunoglobulina anti-Rh ~