Guia da Gravidez

Gravidez de risco


A gravidez é um estado fisiológico que costuma evoluir sem problemas e dá
como resultado o nascimento de um bebé saudável e uma mãe feliz, mas
nem todos os casos são tão felizes. Em determinadas ocasiões, de facto,
surgem complicações que podem pôr em perigo a saúde, e inclusivamente a
vida, tanto da mãe como do feto. E, apesar de poder ocorrer uma situação
deste tipo e de forma imprevisível em qualquer gravidez, considera-se que é mais provável que assim ocorra quando existem alguns factores específicos relacionados, em maior ou menor medida, com o aparecimento de problemas: fala-se então de gravidez de risco.

Em cada componente de cada par de cromossomas homólogos há um conjunto de genes equivalentes, com missão idêntica, embora as suas características possam diferir, de modo que há variantes do mesmo gene. Entre estes, alguns são dominantes e ...

O ser humano dispõe de 46 cromossomas, 23 procedentes da mãe e 23 do pai: no ADN (ácido desoxirribonucleico), que constitui tais cromossomas, estão contidos nos genes as unidades que regulam a síntese de substâncias proteicas e determinam ...

Numa gravidez de risco, o acompanhamento clinico adquire a sua importância máxima: as consultas de controlo constituem a principal ferramenta para poder detectar-se a tempo possíveis complicações e, portanto, deve respeitar-se estritamente ...

É preciso planificar um controlo da gestação que permite- permite detectar o mais cedo possível as anomalias que possam aparecer e valorizá-las na sua justa medida. Em cada caso deve elaborar-se um plano de acompanhamento específico, ...

No início de todas as gestações analisa-se a eventual factores de risco e determina-se o seu grau de gravidez qualquer gravidez supõe um certo risco, pelo que se deduz que este é baixo ou mínimo quando não é identificado qualquer factor ...

~ Gravidez de risco ~

1.54