Guia da Gravidez

A Pele da grávida


A pele da mulher gravida é afectada tanto pela acção das hormonas da gravidez como pelas
profundas transformações que experimenta o seu corpo nesta época. Por um lado, as hormonas
provocam uma diminuição da flexibilidade da pele, a qual somada à distensão cutânea das
regiões do corpo que aumentam de volume, favorece o aparecimento de estrias. Por outro, também costumam comportar um aumento da pigmentação cutânea, com um típico escurecimento de algumas zonas ou o aparecimento de manchas inestéticas.

A radiação ultravioleta do sol estimula a actividade das células que se encarregam de produzir o pigmento responsável pela coloração da pele e que, durante a gestação, recebem uma particular estimulação por parte das hormonas da ...

As zonas do corpo feminino que mais escurecem durante a gravidez são auréolas mamárias, a vulva, a região anal e a linha média do abdómen que vai desde o umbigo até ao púbis, bem como as cicatrizes já existentes.

O aparecimento de manchas cutâneas, especialmente rosto, é conhecido como cloasma gravífico, mas popularmente denomina-se “máscara da gravidez”. São umas manchas amareladas ou pardas distribuídas simetricamente em ambos os ...

A quantidade de estrias que se formam é muito variável mas costuma estar directamente relacionada com o aumento do peso corporal. Portanto, como prevenção, mais importante do que o uso de cremes e loções é tentar evitar o excesso de peso ...

A aplicação de loções e cremes que aumentam a hidratação e a flexibilidade da pele pode ajudar a limitar o aparecimento de estrias. A eficácia destes produtos nunca é absoluta, já que não podem reverter por completo a perda de ...

~ A Pele da grávida ~